segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Concurso Literário "O Conto" - entrega de prémios

A Biblioteca Municipal de Santa Marta de Penaguião organizou no decorrer do mês de Outubro e Novembro o concurso literário “O conto”, dirigido aos alunos do concelho. Este concurso teve como principal objetivo, criar ou consolidar hábitos de leitura e de escrita de forma a promover a escrita criativa e valorizar esta forma de expressão literária.
A entrega de prémios aos alunos vencedores decorreu na Biblioteca Escolar da E B 2, 3 de Santa Marta de Penaguião no dia 12 de dezembro. Os alunos vencedores do primeiro, segundo e terceiro melhor conto, tiveram a oportunidade de ler trechos dos contos vencedores, explicando o que os levou a escrever, o porquê do título e conteúdo.
Os trabalhos vencedores, apresentados com muita imaginação e qualidade, demonstram que há apetência para a escrita e para a comunicação literária entre a comunidade escolar o que indicia certamente, continuar a ter no futuro uma intervenção forte na área da literatura.

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Livros do mês

Autor: Sveva Casati Modignani
Título: A viela da duquesa
Editora: Asa
Páginas: 522
ISBN: 972-41-3275-7

Sinopse: Nápoles, 1910. Numa das muitas casas pobres da Viela da Duquesa, onde Rosa Avigliano vive com a sua numerosa família, surge de repente uma jovem mulher elegantemente vestida: ela quer que Rosa lhe prepare um feitiço para conquistar o amor do marido. Teresa, a mais velha das crianças Avigliano, fica boquiaberta perante tão extraordinária aparição. Imaginativa e sonhadora, ela gostaria de poder transpor os limites daquelas vielas sem ar e sem luz, onde viu morrer de miséria, de doença e de fome amigos, vizinhos e até um irmão mais novo. Aquela visitante misteriosa encarna aos seus olhos de rapariga tudo aquilo que até ali lhe foi vedado. Mas a bonita desconhecida não é tão feliz como Teresa imagina: a condessa Josepha Paravicini abandonara há alguns meses o seu castelo no Tirol, terra então austríaca, para casar com o príncipe Enrico Castiglia e se mudar para Nápoles, renunciando aos costumes, às pessoas que amava, às paisagens, aos aromas e à sua língua de infância. Tudo isto para vir a descobrir que o marido nunca a amara. Com o destino por cúmplice, nasce entre a princesa e a rapariga do povo uma ligação que as irá manter unidas durante toda a vida. Ambas atravessam o século que há pouco terminou, sofrem duas guerras mundiais, vivem os dramas da ditadura fascista e os tempos difíceis da reconstrução, empenhando-se na luta pelas reivindicações sociais e pela conquista do direito das mulheres à dignidade.
Narrando as histórias pessoais destas personagens, marcadas por tragédias e paixões, Sveva Casati Modignani percorre todo o século XX num romance que exprime os pontos de vista dos humildes e dos poderosos. Este entretecer de vidas privadas e grandes eventos, propicia aos leitores páginas intensas que reconstituem com realismo o espírito de uma época e exaltam a força dos sentimentos e dos ideais.


Autor: Colleen McCullough
Título: O terceiro milénio
Editora: Difel
Páginas: 363
ISBN: 978-972-29-0114-7
Sinopse: Situado nos Estados Unidos num futuro não muito distante, O Terceiro Milénio traça o percurso de um homem bom, da obscuridade à fama mundial.
O trabalho do Dr. Joshua Christian como médico psicólogo confronta-o diariamente com o quadro amargo de um povo material e espiritualmente empobrecido por excessivas mudanças: políticas, climatéricas, ideológicas. A enorme capacidade de compreensão e o extraordinário magnetismo pessoal do Dr. Christian criam à sua volta um círculo de admiradores fiéis, mas, vivendo numa pequena cidade do Connecticut, não pode ajudar um número tão grande de pessoas quanto gostaria.
É aqui que entra a Drª. Judith Carrioll, uma brilhante directora do novo e poderoso Departamento do Ambiente. Ambiciosa, vivendo em função da carreira, tão elegante como maquiavélica, Judith reconhece no Dr. Joshua Christian a personificação do seu desejo de influenciar a história do seu país. Joshua é o homem certo para agir em seu nome e cumprir os seus desígnios, enquanto Judith ficará a manobrá-lo na sombra.
Porém, quando empreendem uma viagem pelo país devastado, Joshua Christian ultrapassa todas as expectativas, revelando um estranho poder. Só ele mesmo tem consciência de que não passa de um homem, frágil, dependente e efectivamente infantil... Como todos os homens.
Com o mesmo talento que a converteu numa das mais conhecidas escritoras da actualidade, Colleen McCullough criou um romance de intensa força emocional e de trama complexa, introduzindo nele uma significativa mensagem para este início de milénio.


Autor: Brian Selznick
Título: A invenção de Hugo Cabret
Editora: Gailivro
Páginas: 543

Sinopse: Órfão, guardião dos relógios e ladrão, Hugo vive por entre as paredes de uma movimentada estação de comboios parisiense, onde a sua sobrevivência depende de segredos e do anonimato. Mas quando, repentinamente, o seu mundo se encaixa – tal como as rodas dentadas dos relógios que vigia – com o de uma excêntrica rapariga amante de livros e o de um velho amargo, dono de uma lojinha de brinquedos, a vida secreta de Hugo e o seu segredo mais precioso são colocados em risco. Um desenho misterioso, um blogo que vale ouro, uma chave roubada, um homem mecânico e uma mensagem escondida do falecido pai de Hugo formam a espinha dorsal deste intrincado, terno e arrebatador mistério.

Autor: Nora Roberts
Título: Lua de Sangue
Editora: Ulisseis
Páginas: 450
ISBN: 978-972-568-563-1
Sinopse: Tory Bodeen é uma mulher que foi massacrada no corpo e no espírito, mas que nunca perdeu a esperança. Tory foi criada numa casa pequena e miserável na Carolina do Sul, onde o pai dominava com punho de ferro e cinto de couro, e onde seus talentos não tinham espaço para florescer. Mas havia Hope, a amiga que sempre contava nas horas mais difíceis, que morava numa casa enorme, a pouca distância da sua. Porém Hope é brutalmente assassinada e a vida de Tory começa a desmoronar. Passados 18 anos, Tory retorna a sua cidade natal decidida a encontrar paz, mas viver tão próxima das lembranças infelizes será mais difícil e assustador do que ela poderia imaginar. Porque o assassino de Hope também está por perto.

sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Gerações lado a lado

Uma das várias missões da Biblioteca Pública, segundo o Manifesto da UNESCO, é “Promover o conhecimento sobre a herança cultural” e “Apoiar a tradição oral”.
Com o projeto “Gerações lado a lado”, a Biblioteca Municipal, pretende ser o elo de ligação entre os mais jovens e os mais idosos, numa partilha de experiências e conhecimentos, entre o antigo e o moderno, entre a tradição e a novidade, entre o passado e o presente.
Este projeto de animação de grupos de cidadãos da terceira idade, de recolha, partilha e conhecimento, visa levar a Biblioteca à comunidade de idosos institucionalizados e outros, criando estratégias e promovendo atividades que permitam a sua deslocação à Biblioteca.
Pretende-se num meio intergeracional, promover reuniões, leitura, empréstimo de livros e atividades diversas.
Neste sentido a Biblioteca Municipal, com a colaboração de uma turma de alunos do 4º ano da escola E B 1 de Santa Marta, deslocou-se no dia 19 de Novembro, ao lar de idosos local, para uma manhã animada, onde as crianças ficaram a saber entre muitas outras histórias a forma como os seus avós e bisavós viveram a infância, nas brincadeiras, na família, na comunidade e na escola.

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Concurso Literário - Quadras de S. Martinho

Com o objectivo de promover o gosto pela escrita e desenvolver a criatividade dos alunos, a Biblioteca Municipal, lançou o concurso "Quadras de S. Martinho", destinado aos alunos do concelho que decorreu até ao dia 6 de Novembro.
Os prémios dos três trabalhos vencedores, conforme regulamento do concurso,  foram entregues na Feira de S. Martinho, realizada no dia 12 de Novembro na Escola E B 2, 3 de Santa Marta de Penaguião, com a presença do Sr. Presidente do Município, a Srª. Vice-Presidente do Município, o Sr. Diretor do Agrupamento de Escolas, o responsável pela Biblioteca Municipal, pais e toda a comunidade escolar.
O melhor trabalho pertenceu à aluna Maria Carolina Seixas da Costa.
A todos os que se interessaram e participaram no concurso, a Biblioteca Municipal espera  que continuem a aderir com entusiasmo a este tipo de iniciativas literárias.


Melhor trabalho

Num dia de Novembro
Bem frio e chuvoso
Saiu para vigiar a cidade
Um soldado Romano poderoso

Cruzou-se com ele
Um velho e pobre mendigo
Que, solitário, pedia esmola
Esperando um gesto amigo

O cavaleiro deu-lhe metade de capa
Num ato solitário e generoso
Transformando a chuva fria e ventosa
Num dia de Sol limpo e radioso

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Novidades na Biblioteca

MODIGNANI, Sveva Casati – Lição de Tango; Asa, 2007
MARQUES, João Lopes  – Choque Cultural; Marcador, 2012
CARRISI, Donato – O Tribunal das Almas; Porto Editora, 2012
OCHOA, Raquel – O Vento dos Outros; Marcador, 2012
ROTH, Veronica – Divergente; Porto Editora, 2012
SCHEINMANN, Danny – Pequenos Gestos de Amor Eterno; Porto Editora, 2009
SASSON, Jean – Amor em Terra de Chamas; Asa, 2008
CHOPRA, Deepak – Soluções Espirituais; Presença, 2012 
MONTE, Flávio – Flor de Burel; Nova Educação, 2009
SCHWANITZ, Dietrich – Cultura: Tudo o que é preciso saber; Dom Quixote, 2005
MCCULLOUGH, Colleen – O Dia de Todos os Pecados; Difel, 2010
CADILHE, Gonçalo – Um Km de Cada Vez; Oficina do Livro, 2009
ECO, Umberto – A Passo de Caranguejo; Difel, 2007
VINCENZI, Penny – Promessas Desfeitas; 2012
LEVY, Marc – Meus Amigos, Meus Amores; Contraponto, 2011
BOAVIDA, Cristina – Só no Escuro Podes Ver as Estrelas; Guerra e Paz, 2010

sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Leituras do mês

Autor: Sveva Casati Modignani
Título: Lição de tango
Editora: Asa
Páginas: 435
ISBN: 978-972-41-5312-4
Tradutor: Regina Valente 
Sinopse: O retrato inesquecível de duas mulheres que o destino juntou numa aventura comum.
Giovanna e Matilde não parecem ter nada em comum, excepto o facto de morarem no mesmo bairro de Milão e de às vezes se cruzarem na rua. A primeira é uma encantadora antiquária, casada e com uma filha adolescente; a outra é uma pobre idosa que vive sozinha numas águas-furtadas das quais obstinadamente não se deixa despejar. Uma série de circunstâncias dramáticas aproxima as duas mulheres, que aprendem a conhecer-se e a travar uma profunda amizade. Matilde ajudará a jovem a encontrar a serenidade e o amor, enquanto Giovanna acompanhará Matilde ao longo da sua caminhada final.
Uma história dominada pela paixão, que nos retrata, com o talento habitual de Sveva Casati Modignani, duas inesquecíveis figuras femininas.


Autor: João Lopes Marques
Título: Choque cultural
Editora: Marcador
Páginas: 271
ISBN: 978-989-8470-45-4
Sinopse: Uma extraordinária viagem pelo mundo, à descoberta dos costumes, aberrações e manias dos vários povos do globo.
“Há algo na Europa que me emociona. A sua diversidade é um milagre, assim como esta tentativa de construir uma casa comum. Enganamo-nos no comboio  e 15 minutos depois, se tanto, desembarcamos num país cuja língua e costumes são bem diferentes. Adorável.” …
Um livro útil, interessante e divertido que nos leva a conhecer a expressão mais intensa da cultura dos outros.

Autor: Donato Carrisi
Título: O Tribunal das almas
Editora: Porto Editora
Páginas: 424
ISBN: 978-972-0-04394-8
Tradutor: Mário Matos
Sinopse: Estava à tua procura. Encontrei-te. És a pessoa certa... Agora, mata! Marcus é um homem sem passado. A sua especialidade: analisar as cenas de crime para reconhecer o Mal nos pequenos detalhes e solucionar homicídios aparentemente perfeitos. Há um ano, foi gravemente ferido e perdeu a memória. Hoje, é o único que poderá salvar uma jovem desaparecida. Este peculiar investigador enfrenta, porém, um desafio ainda maior: alguém está a usar o arquivo criminal da Igreja para revelar a verdade sobre crimes nunca oficialmente resolvidos. Assassinos são colocados perante os familiares das vítimas. Será, passado tanto tempo, saciado o desejo de vingança? Passarão os inocentes a culpados? Ou será, finalmente, feita justiça?

Autor: Raquel Ochoa
Título: O vento dos outros
Editora: Marcador
Páginas: 195
ISBN: 978-989-8470-47-8
Sinopse: «Temos a liberdade de ir. Temos a liberdade de não ir. Eu escolho ir. Nunca me arrependi».
Viajar, à semelhança de escrever ou guerrear, é um frívolo segundo de desabafo; é uma meditação e um descanso. É viver de ideias novas, porque nunca estancam. Uma viagem é uma obra por fazer. É como uma vida inteira, em ponto pequeno. Viajar é ser um pouco vento, participar da sua magia de forma microscópica.

quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Concurso Literário "O Conto"

REGULAMENTO DO CONCURSO LITERÁRIO “O CONTO”

No intuito de fomentar o gosto pela escrita, pela leitura e mais concretamente por este tipo de expressão literária, pretende a Biblioteca Municipal de Santa Marta de Penaguião levar a efeito um concurso literário em prosa sob a forma de conto.
Este concurso terá a sua primeira edição no ano de 2012, sendo o seu regulamento o seguinte:
Regulamento do Concurso “O conto”

Artigo 1.º
(Objeto)

No intuito de criar e consolidar hábitos de leitura, de escrita e valorizar esta expressão literária, é instituído o Concurso literário “O conto”.

Artigo 2.º
(Condições de admissão)

Podem concorrer todos os estudantes matriculados nos organismos sedeados
no concelho de Santa Marta de Penaguião e os naturais do concelho que estudam fora do concelho.

Artigo 3.º
(Tema)

O tema deste concurso é à escolha e preferência pessoal.

Artigo 4.º
(Natureza dos trabalhos)

O género literário elegível para o efeito deste concurso é a prosa em língua portuguesa. 

Artigo 5.º
(Participação)

Os participantes serão avaliados por um júri, este comprometendo-se a selecionar e classificar três contos por si escolhidos, classificando-os de melhor conto, segundo melhor conto e terceiro melhor conto, tendo por base a escrita, conteúdo e organização de ideias.

Artigo 6.º
(Prémio)

1 – O prémio deste concurso será um vale de compras em livros, sendo para o 1º conto 80.00 €; para 2º conto 40.00 € e para o 3º conto 20.00 €.

2 – Serão divulgados os três melhores contos.

3 – No dia 30 de Novembro será realizada a apresentação pública e serão divulgados os contos dos alunos vencedores.

Artigo 7.º
(Admissibilidade dos trabalhos)

São admitidos a concurso apenas trabalhos inéditos e não publicados, escritos
em português, e enviados para a Biblioteca Municipal de Santa Marta de Penaguião ou entregues diretamente pelos seus autores no mesmo local, com o limite de um conto por autor.

Artigo 8.º
(Critérios de admissão)

Os trabalhos referentes a este concurso terão de ser apresentados em um mínimo de 2 folhas A4 e o máximo de 3 folhas A4 em letra Times New Roman, tamanho 12, espaço 1,5.
O Título do conto é obrigatório.
  
Artigo 9.º
(Confidencialidade dos concorrentes)

1 – Os concorrentes apresentam-se a concurso com pseudónimo que assinarão o conto, que será divulgado.
2 – Os concorrentes enviam mediante envelope fechado, o pseudónimo, nome
e morada completas, n.º telefone e telemóvel, aquando do envio do conto, só sendo aberto pelo júri após escolha dos três melhores contos.
3 – Para quaisquer informações, os concorrentes devem contactar o telefone 254810130 extensão 261.
4 – Apenas será publicado a identificação dos vencedores após consentimento dos mesmos.

Artigo 10.º
(Prazos)

O concurso terá como data limite de entrega de trabalhos o dia 23 de Novembro de 2012 até às 16 horas.

Artigo 11.º
(Direitos de autor)

Ao participarem neste concurso, enviando os contos, os autores assumirão a
cedência de autorização de publicação dos mesmos, em publicações posteriores eventualmente desenvolvidas pelo projeto.

Artigo 12.º
(Constituição do Júri)

1 – O júri do Concurso de conto é composto pela Sr.ª Vereadora do pelouro da cultura, professores e/ou outros convidados.
2 – O número de membros do júri não pode ser inferior a três.
3 – Das decisões do júri não haverá quaisquer reclamações.


Artigo 13.º
(Obtenção do regulamento)

Os participantes podem obter o presente regulamento, devendo solicitá-lo pessoalmente na Biblioteca Municipal de Santa Marta de Penaguião ou em http://bmsmp.blogspot.pt/

Artigo 14º
(Casos omissos)

Os casos omissos serão supridos e decididos pelo júri deste concurso.

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Concurso - Quadras de S. Martinho

REGULAMENTO DO CONCURSO DE QUADRAS DE S. MARTINHO

 No intuito de fomentar o gosto pela escrita, pela leitura e mais concretamente pela poesia, pretende a Biblioteca Municipal de Santa Marta de Penaguião levar a efeito o “Concurso de Quadras”, alusivas ao dia de S. Martinho.
Este concurso terá a sua primeira edição no ano de 2012, sendo o seu regulamento o seguinte:

Regulamento do Concurso de Quadras de S. Martinho

Artigo 1.º
(Objeto)

No intuito de criar e consolidar hábitos de leitura, de escrita e de promoção da
Poesia, valorizando esta expressão literária, é instituído o Concurso de “Quadras de S. Martinho”.

Artigo 2.º
(Condições de admissão)

Podem concorrer todos os estudantes matriculados nos organismos sedeados
no concelho de Santa Marta de Penaguião e os naturais do concelho que estudam fora do concelho.

Artigo 3.º
(Tema)

O tema deste concurso é “O dia de S. Martinho”.


Artigo 4.º
(Natureza dos trabalhos)

O género literário elegível para o efeito deste concurso é a poesia em língua portuguesa.

  
Artigo 5.º
(Participação)

Os participantes serão avaliados por um júri, este comprometendo-se a selecionar e classificar três trabalhos por si escolhidos, classificando-os de melhor, segundo melhor e terceiro melhor.

Artigo 6.º
(Prémio)

1 – O prémio deste concurso será um vale de compras em livros, sendo para o 1º - 60.00 €; para 2º - 30.00 € e para o 3º - 15.00 €.

2 – Serão divulgados os três melhores trabalhos.

3 – No dia 12 de Novembro será realizada a apresentação pública e serão divulgadas as quadras dos alunos vencedores.

Artigo 7.º
(Admissibilidade dos trabalhos)

São admitidos a concurso apenas trabalhos inéditos e não publicados, escritos
em  português, e enviados para a Biblioteca Municipal de Santa Marta de Penaguião ou entregues diretamente pelos seus autores no mesmo local.

Artigo 8.º
(Critérios de admissão)

Os trabalhos de quadras referentes a este concurso terão de ser apresentados em três quadras por trabalho.
Cada autor pode apresentar dois trabalhos.
. 
Artigo 9.º
(Confidencialidade dos concorrentes)

1 – Os concorrentes apresentam-se a concurso com pseudónimo que assinarão as quadras que serão divulgadas.
2 – Os concorrentes enviam mediante envelope fechado, o pseudónimo, nome
e morada completas, n.º telefone e telemóvel, aquando do envio das quadras, só sendo aberto pelo júri após escolha das três melhores quadras.
3 – Para quaisquer informações, os concorrentes devem contactar o nº telefone 254810130 extensão 261.
4 – Apenas será publicado a identificação dos vencedores após consentimento dos mesmos.

Artigo 10.º
(Prazos)

O concurso terá como data limite de entrega de trabalhos o dia 6 de Novembro de 2012 até às 16 horas.

Artigo 11.º
(Direitos de autor)

Ao participarem neste concurso, enviando as quadras, os autores assumirão a
cedência de autorização de publicação dos mesmos, em publicações posteriores eventualmente desenvolvidas pelo projeto.

Artigo 12.º
(Constituição do Júri)

1 – O júri do Concurso de “Quadras de S. Martinho” é composto pela Sr.ª Vereadora do pelouro da cultura, professores e/ou outros.
2 – O número de membros do júri não pode ser inferior a cinco.
3 – Das decisões do júri não haverá quaisquer reclamações.

  
Artigo 13.º
(Obtenção do regulamento)

Os participantes podem obter o presente regulamento, devendo solicitá-lo pessoalmente na Biblioteca Municipal de Santa Marta de Penaguião ou em http://bmsmp.blogspot.pt/


Artigo 14.º
(Casos omissos)

Os casos omissos serão supridos e decididos pelo júri deste concurso.

terça-feira, 2 de outubro de 2012

Novidades na Biblioteca

CALLE, Ramiro – Os Melhores Contos Espirituais do Oriente; Esfera dos Livros, 2010
ROBERTS, Nora – Três Destinos; Ulisseia, 2005
ALBOM, Mitch – Um Pouco de Fé; Sinais de Fogo, 2012
STIEFVATER, Maggie – Linger; Presença, 2012
RODRIGUES, Ernesto – O Romance do Gramático; Gradiva, 2011
MILLER, Andrew – A Cidade Impura; Presença, 2012
PRESTON, Douglas; SPEZI, Mario – O Monstro de Florença: uma história verdadeira; Presença, 2012
MAGALHÃES, Júlio – Os Retornados : Um Amor Nunca se Esquece; Esfera dos Livros, 2011
PINHEIRO, Júlia  Não sei Nada Sobre o Amor; Esfera dos Livros, 2009
BALLENATO, Guillermo – Educar Sem Gritar; Esfera dos Livros, 2010
COLLINS, Tim– O Diário de Um Vampiro Banana; Booksmile, 2011
DIAS, Joana Amaral – Maníacos de Qualidade; Esfera dos Livros, 2010
MANKELL; Henning  Sapatos Italianos; Presença, 2012
VEIGA, Sérgio  O Quente Aconchego da Mãe Negra; Presença, 2012
SANTOS, José Rodrigues dos – Crónicas de Gerra : Da Crimeia a Dachau; Gradiva, 2012
FREIRE, Isabel– Amor e Sexo no Tempo de Salazar; Esfera dos Livros, 2010

Leituras do mês

Autor: Maggie Stiefvater
Título: Linger: Um amor adiado
Editora: Presença
Páginas: 407
ISBN: 978-972-23-4844-7
Tradutor: Maria do Carmo Figueira
Sinopse: Linger é o segundo volume da trilogia fantástica de Maggie Stiefvater, e nele reencontramos os dois protagonistas, Sam e Grace, que lutam desesperadamente pelo seu amor, sujeito às permanentes ameaças da natureza e da humanidade. Sam ainda se está a habituar à ideia de viver para sempre como ser humano e Grace guarda segredos que poderão vir a revolucionar as suas vidas. Quando tudo à sua volta parece prestes a desmoronar-se só o amor permanece, mas será ele suficiente para os manter juntos?
Com toda a carga dramática e romântica do bestseller internacional Shiver, esta sequela ganha uma nova urgência à medida que os níveis de tensão se elevam até se tornarem quase insustentáveis.

Autor: Mitch Albom
Título: Um pouco de fé
Editora: Sinais de fogo
Páginas: 346
ISBN: 978-989-718-018-7
Tradutor: Sofia Alves
Sinopse: Do autor de As Terças com Morrie, surge uma nova história maravilhosamente escrita que descreve uma extraordinária viagem de oito anos entre dois mundos - dois homens, duas fés, duas comunidades. O autor observa como homens tão diferentes usam a fé de formas semelhantes na luta pela sobrevivência, reflectindo sobre as questões que nos deixam perplexos: como suportar as agruras da vida, o que é o paraíso, o perdão, a dúvida sobre a existência de Deus ou a importância da fé em tempos difíceis. Um Pouco de Fé é um livro sobre o propósito da vida, sobre perder a fé e voltar a encontrá-la, sobre a chama divina que existe em cada um de nós. É a jornada de um homem, mas a história de todos nós.

Autor: Ramiro Calle
Título: Os melhores contos espirituais do oriente
Editora: A esfera dos livros
Páginas: 430
ISBN: 978-989-626-021-7
Tradutor: Margarida Cardoso de Meneses
Sinopse: «Angustiado, o discípulo foi visitar o seu mentor espiritual e perguntou-lhe com uma voz desanimada:
- Como me posso libertar, venerado mestre?
O preceptor respondeu:
- Meu amigo, e quem é que te prende senão a tua mente?»
Os mestres espirituais da Índia foram os primeiros a servirem-se da narrativa, para instruir espiritualmente os seus discípulos. A maioria destas narrativas é milenar e anónima e foi sendo transmitida de forma oral, de mestre a discípulo, durante séculos. Em poucas palavras, estes contos partilham conhecimentos fundamentais e profundos que abrem a mente e o coração, e podem ser interpretados consoante a perspicácia e o grau de maturidade mental de quem os escuta. O autor fez mais de setenta viagens à Ásia onde recolheu os melhores contos orientais.

Autor: Nora Roberts
Título: Três destinos
Editora: Ulisseia
Páginas: 460
ISBN: 978-972-568-533-4
Tradutor: Fátima Gaspar
Sinopse: No preciso instante em que o paquete Lusitânia inicia o seu dramático mergulho para o abismo, Felix Greenfield encontra-se na cabina de Henry W. Wyley, com o objectivo de aí roubar uma das três estatuetas conhecidas pela designação Três Parcas. Quando se apercebe do que está a passar-se, Greenfield guarda a estatueta no bolso, consegue ainda salvar duas outras pessoas, e faz uma jura: a de que, se acaso conseguir escapar com vida àquele naufrágio, dará início a uma vida nova. Greenfield salvar-se-á de facto, irá viver para a Irlanda, dando origem à família Sullivan. Quase um século depois, a estatueta, que se mantivera na posse dos seus descendentes, é-lhes roubada por uma arrivista. Malachi, Gideon e Rebecca, os três irmãos Sullivan, decidem então unir esforços, para recuperar a estatueta perdida, localizar as outras duas, e realizar com isso uma fortuna.

terça-feira, 4 de setembro de 2012

Leituras do mês

Título: O cemitério de Praga
Autor: Umberto Eco
Nº de Páginas: 559
Editora: Gradiva
Sinopse: O cemitério de Praga. Quatrocentos mil exemplares vendidos na Itália em um mês. Um tratado sobre o mecanismo do ódio, e espécie de síntese da história do preconceito, o livro causou desconforto em setores mais conservadores da sociedade italiana, principalmente entre religiosos, por misturar personagens históricos a um anti-herói fictício, cínico e maquiavélico, capaz de tudo para conseguir se vingar de padres, jesuítas, comunistas, mas, principalmente, dos judeus. Repleto de teorias da conspiração, falsificações, assuntos maçônicos e detalhes da unificação italiana, é no antisemitismo que repousa o coração da narrativa. O cemitério de Praga também lembra um dos mais impressionantes episódios de falsificação da história: Os protocolos dos sábios de Sião, um texto forjado pela polícia secreta do Czar Nicolau II para justificar a perseguição aos judeus. Os escritos, que se acredita terem sido baseados em um texto francês ? Diálogos no inferno entre Maquiável e Montesquieu ? descreviam um suposto plano para a dominação mundial pelos israelitas. E serviriam de inspiração a Hitler para os campos de concentração. O odioso Simonini, que o próprio autor define como um dos mais repulsivos personagens literários já criados, é um mestre do disfarce e da conspiração. Um falsário a serviço de vários governos. Do nordeste italiano até a Sicília de Garibaldi, das favelas de Paris às tabernas alemãs, passando por missas negras, o bombardeio a Napoleão III, a Comuna de Paris, o caso Dreyfus, o Ressurgimento, Simonini é todas as revoluções, as más escolhas, os erros do século XIX, que Eco reconstrói com grande rigor histórico, entre tomadas de poder e revoluções. Com ares de novo clássico, O cemitério de Praga leva as mentiras históricas a novos patamares e revela, ainda, ferramentas usadas por falsários e propagandistas. Um trabalho memorável de filosofia da história e a natureza da ficção. Eco em sua melhor forma.

Título: Lua de sangue
Autor: Nora Roberts
Nº de Páginas: 450
Editora: Ulisseia
Sinopse: Tory Bodeen viveu a sua infância na Carolina do Sul, numa pequena casa degradada, onde o pai imperava com um punho de ferro e um cinto de cabedal. Em compensação, porém, havia a pequena Hope, que vivia ali perto, e cuja amizade tornava possível que Tory fosse aquilo que lhe não permitiam ser em sua casa: uma criança. Depois do brutal assassínio de Hope, que a polícia jamais esclareceu, a vida de Tory começou aos poucos a desfazer-se. Mas agora prepara-se para regressar à sua terra natal. À medida que forja novos laços de afecto com Cade Lavelle, o irmão mais velho de Hope, não consegue no entanto ter a certeza de que a tragédia que ambos experimentaram contribua de facto para os aproximar. Viver assim tão colada à memória de uma infelicidade que tanto a marcou virá a revelar-se mais difícil e mais assustador do que Tory alguma vez imaginara. Até porque o assassino de Hope anda também por perto.

Título: Um refúgio para a vida
Autor: Nicholas Sparks 
Nº de Páginas: 353
Editora: Presença
Sinopse: Quando Katie vai viver para a pacata cidade de Southport, na Carolina do Norte, todos se interrogam sobre o seu passado. Que mistérios esconderá aquela jovem bonita que parece determinada em encobrir os seus encantos e evitar novos laços afectivos, novos relacionamentos?
No entanto, e apesar de todas as suas reservas, Katie começa a criar raízes naquela pequena comunidade, à medida que uma nova amizade e um novo amor lhe vão fazendo baixar as defesas. Sente-se cada vez mais ligada a Jo, a sua vizinha e amiga, e a Alex, o homem por quem se está a apaixonar, mas os fantasmas do passado, que minam a sua capacidade de confiar nos outros, continuam a persegui-la, a aterrorizá-la, e o peso do segredo que esconde é demasiado grande...
Neste romance avassalador, Nicholas Sparks traz-nos uma protagonista fragilizada por um amor que se desvirtuou e que tem de aprender a lidar com as suas sequelas se quiser voltar a amar.


Título: O quente aconchego da mãe negra
Autor: Sérgio Veiga
Nº de Páginas: 202
Editora: Marcador
Sinopse: O Quente Aconchego da Mãe Negra é a voz de um povo, o sangue africano em páginas de relatos verdadeiros vividos na primeira pessoa. Relatos arrebatados do mais íntimo da rara sapiência dos velhos contadores de histórias de Moçambique.
Esta obra que nasceu das horas que Sérgio Veiga passou como caçador na savana africana, caçador profissional, o que viu na penumbra das emboscadas, o desenrolar das histórias, o viver das personagens.
É com o seu instinto de quase predador que Sérgio Veiga constrói nestas páginas o trilho até à sua alma.